St. Louis Burger

Voltamos ao St. Louis, casa do mestre Luíz Cintra, que todo ano dá o seu rolê norte-americano trazendo as melhores receitas e tendência do país que tem o nosso alimento sagrado quase como um símbolo cultural.

Pra quem não sabe, quando fizemos a nossa primeira versão do Ranking Hambúrguer Perfeito, em junho de 2010, foi o St. Louis que ficou na ponta, e não foi à toa. Arrisco dizer que foi com o St. Louis que a atual cultura hamburguística paulistana começou, os caras foram um marco.

02

Antes do St. Louis tinham os clássicos Joakas, Chicão, Seu Oswaldo e adjacentes, depois vieram as redes The Fifties e General Prime Burger e então veio o outro nível, com o St. Louis, onde hoje povoam várias casas famosas que servem bons burgers! Obrigado, Luiz Cintra!

01

Hoje em dia o St. Louis está em sétimo no lugar no ranking, mas muito provavelmente vamos rever esta posição, para melhor, obviamente. A casa continua lá, agora quase sempre superlotada, na esquina da Joaquim Eugênio de Lima com a Batataes, com seus poucos lugares.

05

Como sempre a casa cheia e mesmo assim o atendimento foi exemplar, eis uma das vantagens de se ter um lugar enxuto, mesmo lotado, é possível manter a qualidade no atendimento. Pois bem, vamos ao que interessa, pedimos a clássica Half & Half, meia porção de batata e meia porção de onion rings, servido com a maionese da casa (R$ 24,00).

03

Não tem como dar errado né? Batatas sequinhas e cebolas empanadas com uma belíssima maionese!

O cardápio de hambúrgueres conta com algumas novidades desde a última vez que estivemos por lá, como o “Canadian”, um hambúrguer de 220 g, queijo cheddar, bacon, molho BBQ e rodela crocante de onion ring (R$ 33,50) ou o “Burger 57”, um hambúrguer de 220 g grelhado, recheado com bacon e cebola grelhada, queijo gruyère, alface, tomate e hickory sauce (R$ 33,50). Mas pensamos bem e decidimos ir nos clássicos!

Pedimos o House, um típico cheese salada, com burger de 160g, queijo prato, alface, tomate, picles e de pepino e maionese da casa (R$ 27,50).

House

Um cheese salada só que melhor, não tem erro, é pão, salada, picles e maionese só que com uma carne sensacional, no ponto certo, alta e suculenta. É sucesso garantido.

Outra pedida foi o Bacon, burger de 160g, fatias de bacon assado cobertos com queijo prato (R$ 28,50).

Bacon

Carne suculenta! Queijo derretido! BACON CROCANTE! Como poderia dar errado? As vezes menos é mais, tanto que a simplicidade do nome do lanche diz tudo, apenas “Bacon”.

Um pouco mais ousado foi o Champ, burger de 160g, queijo gruyère e cogumelos paris (R$ 28,50).

Champ

 

Sempre acho que cogumelos no hambúrguer é um risco a se correr, o sabor suave deles quase sempre passa despercebido com o sabor da carne, queijo, maionese e afins e de fato, o cogumelo deste hambúrguer fica em segundo plano, já que temos uma ótima carne para ser degustada!

E pedimos também um lanche especial que estava sendo servido naquela semana, o Pulled Pork, pernil desfiado, molho BBQ, cole slaw e picles (que vieram à parte) – R$ 28,00 – (o lanche era assim, mas pedimos para adicionar um hambúrguer no meio, hehehe).

Pulled Pork

O Pulled Pork e o cole slaw nada mais são do que pernil com salada de repolho e cenoura molhadinha, e tava bão! O pernil com molho BBQ mais o hambúrguer fizeram uma explosão ogra de sabores imperdível.

Claro, para beber, a melhor Pink Lemonade de São Paulo e de sobremesa, Apple Pie (R$ 18,50), para arrematar com chave de ouro!

04

pie

Pessoal, o St. Louis inspirou muitas hamburguerias e inspirou também este blog a criar o maior ranking de hambúrgueres da internet brasileira! Se ainda não conhece, recomendamos fortemente!

► Pontos positivos: sabor da carne e receitas clássicas, uma verdadeira experiência hamburguística.
► Pontos negativos: provavelmente você vai esperar um tempinho razoável para comer lá, principalmente de quinta à sábado.

St. Louis Burger
Rua Batataes, 242, Jardins
stlouisburger.com.br
Facebook

Compartilhe:

Autor: Fabrício Schibuola

Fundador do blog Hambúrguer Perfeito, filho do Nelson e da Lília e irmão do Felipe. Publicitário, designer, "marketeiro", corintiano, paulistano com um pé no interior, da música e da cerveja.

Compartilhe
468 ad

2 Comentários

  1. Eu sei que vale a pena, meu deus como tô ganhando mal kkkk é uma vez no ano e olha lá.

    Responder
  2. O local é pequeno demais e sem organização. Apesar de não fazer reservas para aniversários, ficou combinado que uma pessoa chegaria antes e poderia segurar 10 lugares, porém não foi o que ocorreu pois a atendente se recusou a deixar juntas as mesas, deixando 8 pessoas numa mesa para 4!!! Funcionário (segurança) totalmente despreparado pois barrou meus amigos na porta não os deixando nem ao menos me parabenizar!!! No dia anterior quando uma amiga ligou para obter informações uma funcionaria o qual não me recordo o nome foi extremamente mau educada, faltou com respeito dizendo que o local não era casa da mãe joana para servir sobremesa aos convidados do aniversariante, isso pq lhe foi perguntando se comemorando o aniversário lá a sobremesa seria cortesia. Enfim, meus amigos foram embora e ficamos numa mesa apertados aguardando 1 hora para sermos servidos!

    Responder

Envie seu comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>