Voltar

Pibus, um Clássico Paulistano

Depois de 3 anos e meio (veja aqui o primeiro post do Pibus), finalmente voltamos a um dos endereços hamburguísticos mais clássicos de São Paulo. Com 31 anos de existência e situado na meiúca entre Vila Olímpia e Itaim Bibi, o Pibus se mantem firme e forte em um região onde a concorrência cresceu absurdamente, em qualidade e quantidade.

E porque o Pibus tá lá ainda? Mesmo com esse nome estranho? Porque os caras fazem um hambúrguer sem erros! Simples e clássico (falando nisso, dá uma olhada aqui nas 10 hamburguerias mais clássicas de São Paulo). O atendimento também não tem erro, simples e rápido, basicamente um lugar sem frescuras que agrada a todos os públicos.

Pois bem, já que o lugar é clássico, fomos de uma entrada clássica, batatas fritas grande (R$ 25,00) com uma porção de maionese. Não tem como dar errado, batatas padrão. Agora a maionese meus caros amigos, a maionese é o que chamamos “da boa”, temperada na medida certa, sem ser enjoativa, textura ideal, salva de palmas para a maionese!

01

Seguindo a linha clássica, pedimos como sempre meu pai pede, onde quer que ele vá, seja da hamburgueria mais cara à mais barata, o pedido é um cheese salada!

E o Cheese Salada do Pibus (R$ 24,00) tem gosto de tradição.

03

Hambúrguer paulistano das antiga, queijo prato derretido, hambúrguer nem muito alto e nem muito baixo, com a maionese “da boa”, uma combinação magnífica! Realmente estamos dando cada vez mais valor ao simples, não importa o tamanho do seu hambúrguer ou o modo de fazê-lo, quanto menos inventar, mais certo vai dar!

Destaque para o pão leve e quentinho!

Agora, já que fomos de tradição, também tivemos que provar uma invenção. Cheese burger normal, mas ao invés de usar pão de hambúrguer, os caras usaram pão de queijo! Misturaram dois clássicos e fizeram um negócio novo, realmente nunca tinha provado nada igual.

Com vocês, o Tiradentes!

02

Hambúrguer artesanal, queijo prato e maionese caseira, servido no pão de queijo (R$ 22,50). Rapaziada, fui positivamente surpreendido com esse lanche. Pensei que não ia “ornar” (como dizem no interior), mas ficou bom, pensando bem, não tinha como dar errado né?

O Pibus criou uma linha só com lanches servidos no pão de queijo chamada Trem Bão, tem várias opções que variam de combinações com omelete até filé mignon, muito boa a ideia!

E pra arrematar, um Chedar Burger Cebola (R$ 19,00).

04

Mais um que não tem erro, aqui a única dificuldade foi de comer sem fazer muita sujeira, o cheddar escorrega com a cebola que faz uma bagunceira só. Mas seguindo o exemplo dos outros lanches, simples e bom!

É isso aí, rapaziada, o Pibus tá lá há tanto tempo porque fazem um bom hambúrguer, uma boa batata frita, uma boa maionese, tudo bom e simples! E quando quiseram dar uma ousada, ainda assim foi simples, trocaram o pão de hambúrguer por pão de queijo!

Única ressalva nisso tudo? O lugar é pequeno mesmo! As cadeiras no lado de dentro são pequenas MESMO! O espaço é realmente pequeno… mesmo.
Ainda não visitamos a nova casa em Perdizes, espero que o espaço seja mais “generoso”.

► Pontos positivos: faz da simplicidade um trunfo, hambúrguer clássico no melhor estilo paulistano e maionese “da boa”.
► Pontos negativos: de tão pequeno o lugar, chega a ser um pouco desconfortável

Pibus
Itaim Bibi e Perdizes
www.pibus.com.br
Facebook

Fabrício Schibuola

Fundador do blog Hambúrguer Perfeito, filho do Nelson e da Lília e irmão do Felipe. Publicitário, designer, "marketeiro", corintiano, paulistano com um pé no interior, da música e da cerveja.

3 comentários

  • Marcelo Bonaldo disse:

    25 dilmas numa porção de batatas fritas…comer fora, mesmo em boteco, virou artigo de luxo…

  • Fernanda disse:

    Gostei da batata com maionese, mto top.
    Mas a achei a combinação de hambúrguer no pão de queijo gordurosa… Curti o hambúrguer, qd fiquei sabendo q poderia ser servido no pão de queijo me empolguei… Embora tenha ficado fascinada com a idéia, acho lanche gorduroso decepcionante… Não provei no pão tradicional… Particularmente acho q pode ser melhor..parafraseando vc: qto menos invenção melhor… E este pão de queijo está mto longe de ser destaque… Destaque para a idéia… A execução fica devendo…. Gosto mto do seu site e dicas. Parabéns!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.