Voltar

O índice Big Mac


Pra você que acha que o hambúrguer é importante na sua vida só por ser a melhor comida do mundo, pense mais uma vez. Essa invenção difundida no mundo inteiro e acaba permeando as culturas locais, também pode servir como um indicador econômico muito apurado.


O Índice Big Mac é calculado sobre o preço do Big Mac em mais de 100 países e tem como objetivo medir o valor das moedas locais em relação ao dólar. Ele compara os preços do hamburger Big Mac nos Estados Unidos com o preço do Big Mac do país no qual se pretende comparar a moeda.

O princípio é que os procedimentos operacionais da cadeia de fast food McDonald’s são os mesmo em todos os países em operação, inclusive a margem de contribuição por produto.

Segundo o tradicional índice da revista britânica “The Economist”, o sanduíche vale hoje no Brasil US$ 3,39, ante US$ 4,73 em julho do ano passado, quando era o sétimo mais caro do mundo. Como o Big Mac é vendido nos Estados Unidos por US$ 3,54, isso significa, pelo índice, que o real está desvalorizado em 4,24% em relação ao dólar.

O índice foi criado em 1986 e é calculado pela revista The Economist. A revista também publica índices que variam deste, como “quantas horas uma pessoa precisa trabalhar em cada país para comprar seu Big Mac”.

Esse é o índice em 2009.


Hambúrguer Perfeito também é (um pouquinho de) cultura!

Fabrício Schibuola

Fundador do blog Hambúrguer Perfeito, filho do Nelson e da Lília e irmão do Felipe. Publicitário, designer, "marketeiro", corintiano, paulistano com um pé no interior, da música e da cerveja.

Um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.