Receita – Aquele Burger Caseiro do Casal 120

Pessoal, o que vocês verão a partir de agora é uma obra prima caseira executada pelo pessoal do blog Casal 120 composta por Celise Rey e Ricardo Barato, como o próprio nome diz, eles são um casal de Americana/SP que se propôs um desafio, gastar no máximo R$ 120,00 por fim de semana e contam suas aventuras em busca deste objetivo. Agora, vamos à receita, vejam como fazer AQUELE Burger Caseiro:

Essa receita serve 20 pessoas. Diminuam as proporções de acordo, ok?

Ingredientes
► 3,2kg de filé de costela;
► 800g de bacon;
► 1 frasco de molho barbecue Heinz;
► 2 doses (shots) de Jack Daniels
► 20 fatias de queijo prato (peça fatias mais grossas, 1 por lanche);
► 4 cebolas roxas grandes;
► 2 latas de cerveja stout (pode ser Caracu mesmo, se preferir Guinness – PELO AMOR DE DEUS USE GUINNESS);
► 2 maços de rúcula fresca;
► Pães (lógico);
► Pimenta do reino e sal a gosto.

Preparo
Antes de mais nada, vale dizer que essa receita é pra ser feita na grelha. O hambúrguer quando cozinhando solta bastante gordura (costela + bacon, imagine) e fazer na frigideira/chapa pode ser um pesadelo gordurístico. Então separe ai um saco de carvão.

O primeiro passo (extremamente importante) é a escolha da carne. Porque filé de costela? Porque é uma carne que tem mais gordura e portanto mais sabor. Pode comprar cego e não se preocupe com “aff quanta gordura” porque parte vai embora na churrasqueira como eu disse. No açougue peça pra moer a peça e junto dela o bacon. Escolha um bacon com menos gordura possível e antes de pedir pra moer peça gentilmente ao açougueiro que ele retire o couro do bacon. Sério, seja gentil que ele vai fazer pra você. Aqui no supermercado que vamos o pessoal é muito gente boa e fez sem problema algum (as duas vezes que fiz a receita).

Com toda essa montanha de carne moída é hora de temperar. Numa vasilha grande coloque toda carne/bacon e despeje todo o molho barbecue. Detalhe, o frasco tem 500ml então a matemática é simples: 125ml de molho pra cada kg de carne. Adicione os shots de Jack Daniels (use o whisky pra “limpar” o resto do molho que ficou no frasco!) e misture tudo com a mão, sem frescura (mas com elas limpas). O whisky vai cumprir dois propósitos: amaciar a carne por causa do álcool e dar um leve sabor amadeirado. Porém é extremamente opcional (mas não tire, sério). Ah, o sal. NÃO ADICIONE SAL NESTE MOMENTO. O sal tira a umidade da carne e, além disso, o bacon já é salgado, não se preocupe ok?

hp3

Depois de tudo muito bem misturado deixe descansar por cerca de uma hora, principalmente se a carne estava na geladeira. É importante que na hora de grelhar, os hambúrgueres estejam numa temperatura pelo menos perto da ambiente, pra que não fique frio por dentro.

Enquanto a carne descansa, vamos às cebolas.

Pique as 4 cebolas de maneira grosseira, não precisa ser pedaços pequenos mas que não sejam anéis. 1/4 de anel é o ideal. Jogue tudo numa panela com um pouco de azeite pra fritar e tampe. A cebola vai soltar água e começar a dourar, quando elas estiverem douradas (cuidado pra não queimar e amargá-las) coloque 1 lata da Caracu e deixe ferver até evaporar tudo.

hp4

Quando a cerveja evaporar coloque a segunda lata e repita o processo, sem esquecer de mexer tudo isso de vez em quando. Aqui não vai sal, ok? A cerveja preta vai adocicar a cebola e isso vai dar o toque agridoce no lanche. Você saberá quando estiver pronto. Caso não saiba é: quando a segunda lata praticamente secar e o molho que se formou parecer uma calda. Desligue e deixe a panela tampada.

E agora de volta à carne.
Depois de descansado, pra fazer os hambúrgueres é fácil: eles precisam ser grandes. Cerca de 200g cada um. Bem altos e grossos. Faça bolas com a carne, no olho mesmo e vá apertando. Lembre-se de no final, quando ele tiver formato de disco, apertar o meio, afundando um pouco (quando ele cozinha, ele vai estufar, essa pressão no meio evita que ele fique com formato oval). Neste momento eu imagino que você já preparou a churrasqueira e tem um braseiro parecido com o lugar que Frodo e Sam jogaram O Um Anel, certo?

Coloque-os na grelha e salgue o lado que ficou pra cima, sendo bem gentil no sal. Aí o tempo da carne é com vocês. O que eu recomendo é que estejam ao ponto, ainda vermelhinhos por dentro. Pra isso eles devem ficar no máximo 2,5 minutos de cada lado (nessa intensidade de fogo que descrevi acima). Quando virar, salgue novamente o lado que agora está cozido (pouco sal também) e salpique pimenta do reino a gosto, se tiver moedor melhor ainda. E adicione a fatia de queijo. Aos se passarem os outros 2,5 minutos o queijo estará derretido e o burger pronto pra ir pro pão.

hp2

Montando
Previamente, os pães devem estar com maionese (comum, sem inventar aqui) passada em suas duas faces e já cortados pra salvar tempo. Peça ajuda pra alguém nessa hora que numa turma grande fazer tudo sozinho fica complicado. Coloque a carne diretamente no pão, a cebola por cima da carne e por cima a rúcula. E feche. E é isso, pode correr pro abraço pois você conseguiu!

hp5

Algumas observações
► Não precisa temperar a rúcula. A presença dela é pra dar aquela crocância no lanche e adicionar aquele ardido característico, porém se quiser temperar com azeite e sal antes, fica a critério.

► Não sei se repararam mas a receita utiliza pouco sal, parte porque o bacon é salgado e parte porque na minha opinião muito sal deixa tudo com o mesmo sabor e a ideia aqui é sentir o gosto de cada parte do lanche. Se achar pouco sal, coloque mais!

► A pimenta do reino só vai no final, quando a carne estiver cozida por fora. Isso porque se colocar antes, o calor queima a pimenta e deixa um sabor amargo ruim.

► A Celise fez uma maionese temperada que ficou indescritível (ou você pode ver a já consagrada receita de maionese do Hambúrguer Perfeito), basicamente com alho e ervas, que ela vai dar a receita em outra oportunidade. Na falta, pode comprar alguma dessas maioneses prontas que tá tudo certo. Minha recomendação (no escuro): maionese de azeitonas pretas.

Fechando a conta
A compra ao todo ficou mais ou menos R$ 230,00. Dividindo isso por igual fica menos de R$ 12,00 por pessoa, bebidas a parte – claro. Não vou lembrar de todos os valores aqui um a um porque já faz tempo que fiz e não tinha o objetivo de postar aqui no blog, portanto fique com o valor cheio e contenha-se!

Passando a régua
É isso.

Obrigado pessoal do Casal 120, com certeza faremos um desse! Gostou? Mande também a sua receita para contato@ohamburguerperfeito.com.br

Compartilhe:

Autor: Fabrício Schibuola

Fundador do blog Hambúrguer Perfeito, filho do Nelson e da Lília e irmão do Felipe. Publicitário, designer, "marketeiro", corintiano, paulistano com um pé no interior, da música e da cerveja.

Compartilhe
468 ad

7 Comentários

  1. Eu estava lá na criação, muito bom, vale a pena!

    Responder
  2. Dá pra ver que a galera gosta de álcool! Hahahaha… Gostei da receita e vou testá-la no fim de semana. :)

    Responder
  3. Eu fiz esse hamburguer e ficou simplesmente MARAVILHOSO…. lá em casa pensamos 2x antes de comer fast food fora de casa. Sério mesmo! heheehehehe

    Recomendo!

    Responder
  4. Fiz a receita e além de fácil fica deliciosa!!!!

    Responder
    • Hauhaujauajajauajajajajajajajajja

      Responder
      • pela quantidade, acho que 61, não?

        Responder

Envie seu comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>