Hamburgueria do Sujinho

Aaaaleluuuia! Estivemos, finalmente, na tão falada e aclamada Hamburgueria do Sujinho.

Fomos almoçar em um domingão. Primeiramente um aviso, não existe a possibilidade de parar o carro na rua naquela região. O Valet conveniado é ao lado e custa R$ 7,00 com o carimbo do Sujinho. Exige uma dose extra de paciência, mas nada fora do comum.

Chegamos e sentamos. Sugestão: chegue antes das 14h, de uma hora pra outra bomba! Estivemos lá umas vezes antes e não conseguimos comer. A primeira foi pela espera IMENSA que ultrapassava 1h30. A segunda foi pelo cartão…

Vamos ao nosso protesto. Não admitimos lugares onde o proprietário acha que não precisa aceitar cartão de crédito ou débito. Em que ano ele está? O cliente deve ser bem tratado e a conveniência para o consumidor deve ser levada em consideração. Não voltamos a lugares onde não aceitam cartão. Nos sentimos desvalorizados e no mínimo nos parece que o proprietário não está muito preocupado com o cliente.

Ufa, protesto feito. Vamos à crítica.

O ambiente é gostoso. Aconchegante e pouco barulhento. Ponto positivo. O serviço causa discórdia mesmo entre os que vos falam. Gostamos de ser bem atendidos. O garçom foi muito prestativo, mas na opinião de um de nós, prestativo até demais. Ele fica o tempo todo por perto, chega a ouvir sua conversa pra sugerir alguma coisa. Um de nós ficou muito incomodado, fica a seu critério.

Pedimos de entrada a meia porção de batata frita com cheddar. Nossa que delícia. Custou R$ 8,50 e foi um belíssimo investimento. As batatas são gordinhas e ficam crocantes por fora e macias por dentro. O cheddar é daqueles de qualidade e vem quente! Maravilha! Acompanha também um pouquinho de molho rosé e de maionese sujinho, temperada, no estilo caseirinha, muito bom. A meia porção é grande e dá pra duas pessoas com folga.

Para o prato principal o primeiro pedido foi o Sujinho Clássico (160g de carne de alcatra) com queijo, alho, gorgonzola e picles. Agora vamos a foto, o que será essa coisa vermelha? Esse é o picles no universo paralelo do Sujinho! Tudo estava uma delícia mas o picles nós não vimos. Para o prepotente Sujinho, basta batizar um pimentão vermelho com cebola picada de picles e pronto! Virou picles.

Estava gostoso pois gostamos de pimentão, mas vamos combinar que se eu peço carne e vem banana não é legal, a casa explica que lá eles chamam banana de carne. O lanche estava uma delícia, bem torradinho, a gorgonzola é de verdade e o alho vem numa quantidade ótima! Ponto negativo: garçom tentando nos convencer que nós é que não sabiamos o que era picles. Saiu por R$ 15,40.


O segundo pedido foi o Pic Burger (nome conhecido do Fiftie’s…) clássico (160g de carne de picanha), bacon, molho escandinavo, queijo e o tal do picles! Saiu por R$ 18,80. Mais uma vez estava tudo ótimo, inclusive o picles que não é picles, estava bom. O bacon do jeito que tem que ser, crocante e abundante. O molho escandinavo nada mais é do que mostarda escura, veio pouco no lanche, mas estava bom.


A carne de picanha é o destaque, gostinho de churrasco pois é feito na grelha com carvão, esse é o diferencial da Hamburgueria do Sujinho: hambúrguer com gostinho de churrasco, no estilo Lanchonete da Cidade. Ótima pedida, tirando o picles que não é picles.

Pra coroar a visita, que seria a primeira e última, pedimos sobremesa! Milk Shake de Ovomaltine e uma tal de Loucura de Chocolate!

O Milk Shake pequeno custou
R$ 9,00. Bonzinho, mas nada que chame a atenção definitivamente, fica longe dos tops General Prime Burger, Rockets e Milk & Mellow.


A Loucura de Chocolate custa R$ 12,50. Ficamos um pouco decepcionados pois o prato vem abarrotado de chantily, a sobremesa mesmo você encontra depois de muito cavar e é bem pequena. Um bolinho de chocolate e sorvete de creme. Bom, mas longe de valer o que custa.



Pontos positivos: Saboroso, preço ok para as hamburguerias, a porção foi uma maravilha e o ambiente.

Pontos negativos: Não aceitam cartão (quer dizer, não fazem questão nenhuma de facilitar sua vida – INADMISSÍVEL, não é um espetáculo de hambúrguer que vale se programar e tirar dinheiro pra ir lá), o estacionamento é o caos, o atendimento pode ser prestativo até demais e o pior – batizaram pimentão de picles e ainda querem discutir que burro é você.

Nessa visita vimos que a comida é gostosa sim, mas nada tão fora do normal que valha uma nova visita, visto as dificuldades que nos impõem. Sugerimos pra conhecer e depois invista seu tempo e dinheiro em outro lugar.

Hamburgueria do Sujinho
R. Maceió, 64, Consolação
(11) 3231-5207
Compartilhe:

Autor: Fabrício Schibuola

Fundador do blog Hambúrguer Perfeito, filho do Nelson e da Lília e irmão do Felipe. Publicitário, designer, "marketeiro", corintiano, paulistano com um pé no interior, da música e da cerveja.

Compartilhe
468 ad

52 Comentários

  1. Quanto ao lance do csartão, se vc pedir pra falar com o dono, já va sabendo que ele é portugues tradicionalista e todos dizem por ai que ele bate o pé que nao poe cartão nos restaurantes dele e que o cliente que vier falar que nao volta mais, ele fala que nao precisa de cliente assim. com orgulho ainda.
    Ali nao tem jeito, cartao nao vai ter ate o cara bater as botas e algum familiar mais jovem e mais esperto pegar o leme do negocio.
    De resto eu acho a hamburgueria otima, mas fica na faixa do burger confortavel como eu mesmo disse no post meu que vcs publicaram.
    Vou qdo estou por perto E com grana no bolso…
    De resto, faço meus esforços pelo Rockets, Achapa, Joakins…

    ps: apertei enter sem querer e acabei comentando 2x, pode deletar o anonimo…

    Responder
    • Achei bacana por não aceitarem cartões, pois eles repassam o desconto do custo operacional das maquinas de cartão para os clientes, já estive no local varias vezes e podem conferir hambúrgueres com a qualidade que se tem lá, pelo preço que é cobrado não se tem em lugar nenhum! Vou continuar frequentando o lugar, claro sempre prevenido com dinheiro no bolso. CHUPA EMPRESAS DE CARTÕES, COM SEUS CUSTOS E ALUGUEIS ABUSIVOS! Pago tudo no dinheiro e se depender de mim essas empresas morrerão de fome.

      Responder
      • Apoiado. Concordo plenamente. Os preços praticados lá são incomparáveis em relação a qualidade do produto. Eu e minha esposa gastamos em média quase 30% a menos que em outras hamburguerias.

        Responder
  2. Um dia fui até lá. Dei meia volta quando soube que não aceitavam cartão. Não me interessa ser bom ou não, se não aceita cartão, não dá pra ir.

    Responder
  3. Antes de terminar de ler, já preciso fazer um comentário sobre o picles: pq vcs não cantaram a musiquinha do Big Mac??? hauhauhaua
    É uma ótima referência, afinal, todos conhecem e sabem que são os ingredientes do sanduíche. Aí é só perguntar pro cara se POR ACASO ele já viu alguma vez na vida pimentão no Big Mac! hahaha, só se ele mesmo colocar! alkdjsajdl

    Responder
  4. Acho que o ponto não é ter que se programar para ir a algum lugar só para ter que sacar dinheiro….a obrigação de carregar dinheiro é do cliente.

    Já estive em diversos lugares que aceitavam cartões mas por alguma pane o sistema estava fora do ar.

    Eu teria que ter me programado antes para tirar dinheiro caso a máquina falhasse? Sim. Quando saiu de casa sempre carrego dinheiro além dos cartões. Não dá para depender apenas dos cartões hoje em dia por mais práticos que eles sejam.

    Responder
  5. Para quem conhece a muitos anos a família Sujinho, historicamente eles não aceitam cartões !! Eu falo isso independente se eles estão certos ou não…

    Mas vc cometeu um grande erro !!! Não pediu no hamburguer nem o REPOLHO nem a CEBOLA !!!

    Classicos Sujinhisticos !!!

    Abraço

    Marcio

    Responder
  6. Tabeteimasu,

    Nós saimos super programados pra consumir ou comprar qualquer coisa sim: com os nossos cartões!

    Sempre levo dinheiro comigo, claro, mas e se eu quiser consumir ou comprar mais do que eu tenho na carteira? Continuamos achando inadmissível.

    Responder
  7. como já comentei em outro post, achei o atendimento péssimo. E nao era pq o garçom ficava no pé… mas demorou muuuiito o lanche (1 hora pra chegar pão/hamburguer/queijo) e o garçom ainda achou ruim q eu pedi pra viagem! (disse que “o pessoal lá de dentro tá mto ocupado, vai demorar mais ainda!”). nunca mais!

    Responder
  8. Ó, só, galera! O negócio é o seguinte. O picles na verdade é um processo de conservação de hortaçiças, legumes e algumas verduras, em vinagre e sal. Então, por princípio, aquilo ali podia ser mesmo picles de pimentão, entende? Não necessáriamente picles é de pepino. E creiam, eu já vi picles de casca de melancia. Ou seja, corram. Então, nos fundamentos devia ser picles mesmo só que pimentão. Agora, normalmente o picles utilizado em hamburguer é de pepino, então se havia alguma diferença do comun, isso devia tá no cardápio. Tks, aí pelo espaço. Curto mesmo blog de vcs. Té mais.

    Responder
    • Poxa, até que enfim alguém com um comentário decente. Não é porque não é pepino que não é picles. Algo se torna picles pelo modo como é feito e não pelo do que é feito. A mesma coisa com o relish que pode ter de várias coisas, não só de pepino. Mas fazer o quê. A arrogância dos garotos é maior do que qualquer outra coisa.

      Responder
  9. Olá,

    Entendo seu ponto de vista mas tenho essa opinião contrária pois estou acostumado a frequentar alguns restaurantes que não aceitam cartão (na Liberdade existem muitos assim). São restaurantes que sempre estão lotados e não é por isso que muitas pessoas deixam de ir.

    Está certo que é uma facilidade tremenda, mas não vou ficar reclamando com o dono porque ele não colocou uma máquina na loja dele.

    Eu fico muito mais incomodado com atendimento ruim do que com o fato de não aceitar cartão nos lugares que frequento.

    Se eu for mal atendido por mais de 1 vez, dificilmente voltarei por mais que a comida seja boa. Mas se o lugar não aceitar cartões, voltarei enquanto a comida for boa e for bem atendido.

    Um exemplo clássico é o Hambúrguer do seu Oswaldo…será que vale a pena reclamar que eles não aceitam cartões?

    Abs,
    Carlos

    Responder
  10. Concordo com a Daniele. No cardápio on-line especifica que é “Picles de pimentão e cebola”. É diferente, é, mas não quer dizer que esteja errado.
    Quanto ao rolo dos cartões concordo com os senhores Bacon & Gorgonzola.

    Responder
  11. JÁ ESTIVE 4 VEZES NA CASA.
    QUALIDADE EXCELENTE REALMENTE UM ÓTIMO SANDUBA.
    ACREDITO QUE O PROPOSITO ” DESTE” BLOG É O HAMBURGUER E NÃO TANTO O RESTO, PORTANTO ACHO QUE O ASSUNTO CARTÃO É MUITO SIMPLES : PORQUE PORTAMOS SEMPRE DINHEIRO ? PORQUE AS VEZES VAMOS A LOCAIS QUE NÃO ACEITA CARTÃO . PRONTO É ISTO.
    E TEM MAIS : ACEITAM CHEQUE, QUAL O MISTÉRIO GENTE, VAMOS CURTIR O HAMBURGUER, O RESTO É RESTO.
    ABRAÇOS
    PS: VOU DE ANONIMO POIS NÃO SEI COMO FAZER

    Responder
  12. quanto ao cartão, deveriam vocês se informar melhor, pra verem que a culpa não é do estabelecimento, e sim das redes de cartões que cobram taxas absurdas pelo serviço. Se fosse vocês a terem um negócio como o dele, saberiam que é muito melhor, economicamente falando, aceitar somente dinheiro, do que passar pela dor de cabeça de ter uma 'maquininha' de cartão de crédito/débito e na maioria das vezes, sair no prejuízo ao efetuar alguma venda devido a essas taxas, pois além deles exigirem uma porcentagem da venda, eles cobram pelo aluguel das máquinas, então não culpem o 'portugues tradicionalista' por querer evitar prejuízos ao próprio negócio. Não critiquem antes de saber os motivos deles.

    Responder
  13. Nós não criticamos português nenhum! Hahaha

    Camila, fale isso a todos os outros 500 milhões de estabelecimentos em São Paulo que pensam no cliente e aceitam cartão!

    =)

    Responder
  14. Esses outros 500 milhões de estabelecimentos cobram mais caro em seus lanches exatamente pra não ter prejuízo por causa das máquinas. Se o Sujinho fosse tê-las, ele cobraria mais caro pela comida. Entre sacar dinheiro antes de comer lá, e pagar menos, e poder usar cartão de crédito pagando mais caro, prefiro levar dinheiro mesmo.

    O Sujinho pensa mais em seus clientes do que você pensa.

    =)

    Responder
  15. Paguei R$ 18,80 no meu lanche, mais caro que o Achapa, Joakins e Matriz Hamburgueria, todos aceitam cartão.

    Olha, temos o direito de achar que um lugar que disponibiliza de um ambiente legal e comida de qualidade tem sim que proporcionar essa facilidade para os seus clientes, ainda mais numa região como Higienópolis. Na nossa opinião, isso é uma falha do Sujinho.

    Diferente do Seu Oswaldo, que não aceita cartão, mas com R$18,80 eu como 2 cheese salada mais uma coca e eles não cobram 10%

    Bom, cada um com as suas opiniões e faz o que acha mais conveniente pra si mesmo. Nós, não achamos conveniente não aceitar cartão, achamos isso uma falta de preocupação com o cliente, visto que o preço deles não é, de forma alguma, mais barato que a maioria dos concorrentes. Uma pena, porque achamos o hambúrguer ótimo, apesar da confusão do picles, hehehe.

    Valeu! Estamos aqui justamente para discutir! Abraço

    Responder
  16. Erm. Na real picles é o nome dados às conservas de legumes em vinagre, o mais comum é realmente o pepino, mas picles pode ser qualquer legume marinado em vinagre. Inclusive pimentões.
    =]

    Responder
  17. Picles (do inglês pickles) são conservas de legumes em vinagre. Este tratamento produz a fermentação láctica do alimento. É uma fermentação natural, por ação das bactérias do gênero Leuconostoc e Lactobacillus do próprio vegetal. O produto final pode ser ácido acético, ácido láctico, álcool e dióxido de carbono.

    Putz, o cara acima já postou! Mas que se foda, quero só zoar mesmo!

    Responder
  18. Picles, vem do português PEPINO! Daonde eu venho picles é de pepino, basta ir em qualquer lugar e dar uma olhada. Picles = pepino em conserva e bla bla bla.

    Sujinho quis inventar moda e se deu mal, tá confundindo os clientes.

    Aulas de picles com o Mac Donalds por favor.

    Responder
  19. Se o Sujinho não aceita cartão significa que no fim do dia tá cheio da grana no caixa. E se ele também não aceita cartão e é tão frequentado e defendido pelo CRPSSMC – Comitê Revolucionário Pró-Sujinho Sem Máquina de Cartão, significa que a galera também tá com dinheiro no bolso quando vai lá. Ou seja, ponto de referência pro que não presta, se é que vocês me entendem.

    Pra mim, isso é SIM uma falha. E não por tradicionalismo tosco, mas por incompetência administrativa. Taxa você tem em qquer lugar. E o que você vai perder de cliente, não vale a economia que vai ter com isso.

    Sujinho #FAIL
    CRPSSMC #FAIL

    Responder
  20. Muuuuuito obrigada pelo protesto… acho absurdo não aceitarem cartão. É muita pretensão achar que o hamburguer é tão bom a ponto de fazer vc ficar na fila do banco pra tirar dinheiro. Valeu!

    Responder
  21. concordo com a opinião dos nossos ilustres blogueiros… meu, se quer facilitar a vida e pensar no cliente, põe um visa e um master para ajudar a galera.

    Eu tbm não vou em locais onde não aceitam cartão… acho bizarro!

    Responder
  22. Conheci a pouco tempo o Blog de vocês. Parabéns.
    Sou um caçador de hamburguers.

    E estive no Sujinho Hamburguer pela primeira vez, logo após a inauguração.

    Teve uma espera razoável por mesa, (nada sacrificante), gostei da porção generosa de batatas (ótimas e estilo caseiras) e muito mais pelo seu preço. O X-Salada estava um pouco fora de ritmo, com pouca salada e maionese. O atendimento, atrapalhado, mas atencioso. Gostei.

    Na segunda visita, estava sem “cash”, lembrei que o Restaurante não aceitava cartões. Dito e feito, na Hamburgueria também não. Nenhum tipo, nem crédito, nem débito. Tentei argumentar com o Maitre, o por que! Realmente acho um absurdo que um restaurante não aceite cartões.

    Retornei uma terceira visita, agora com dinheiro suficiente. Num sábado a tarde, mais vazio o salão e atendimento normal. Boa sugestão para conhecer. Mas leve dinheiro!!!

    Responder
  23. Parabéns pelo blog…

    Estarei visitando SP na semana q vem, e vcs me ajudaram muito a escolher boas hamburguerias.

    E essa do sujinho era uma opção, pois fica próxima do hotel.
    Apesar de não ter gostado dessa história do cartão..

    Responder
  24. Eu estava com vontade de ir com minha família no sujinho, mas depois de ler sobre a história do cartão eu desisti.

    Um lugar que não se importa com a comodidade do cliente não merece receber meu dinheiro, mesmo tendo dinheiro na carteira. Isso é básico. Lugar assim alguém sempe sai constrangido.

    Já tive constrangimentos em lugares que não aceitam cartão(nem débito) e por isso nem passo perto.

    abs

    Responder
  25. Assim como o Tabeteimasu, eu costumo freqüentar os restaurantes da Liberdade, por isto estou acostumado a ter de carregar dinheiro (embora vez por outra eu esqueça, mas daí é só usar cheque).
    Muitos locais lá não aceitam cartão.

    É um direito do comerciante não aceitar cartão, assim como é do cliente de não comprar/consumir. Simples.

    Quanto ao Sujinho. Comi um Pic Burguer lá que estava sensacional. Não coloquei picles, pois queria algo mais básico: hambúrguer queijo, molho e pão, mas se tivesse, ficaria decepcionado com o picles de pimentão ao invés do tradicional de pepino. Ou mesmo nabo + cenoura + pepino, que é o que entendo por picles desde sempre.

    O problema é com clientes que tem reações adversas com pimentões: alergia, gases etc. Se não estiver mencionado no cardálio, claro.

    Responder
  26. Pelo pouco que conheço de picles, sei que pode ser feito de vários ingredientes, como pepino, pimentão, cenoura, etc…
    Na verdade estamos habituados ao picles de pepino (mais barato e popularizado pelo big mac), mas não condeno lanchonetes que inovem neste sentido e acredito que o picles de pimentão fique muito mais saboroso no lanche.

    Responder
  27. Como já dito por vários acima, picles é uma técnica de conservação que serve para todos os vegetais, a denominação não tem nada a ver com o pepino. Se for pimentão e cebola conservado em vinagre e sal é picles sim (a exemplo dos tradicionais cenoura, cebola e pepino que compõe o clássico molho tártaro). Concordo também que já que o usual é colocar picles de pepino no hamburguer seria simpático avisar anunciando no cardápio picles de pimentão e cebola ao invés de somente picles.
    Sou uma amante de fast food e adorei o blog, mas sugiro um pouco de pesquisa para apoiar suas afirmações. Sei que todo mundo erra, mas com a popularidade que vocês atingiram a questão fica bem delicada. Lembrem-se das palavras do Tio Ben: With great power comes great responsability.

    Responder
  28. Acho que antes de falar mal do garçom vocês poderiam ter pesquisado e descoberto que picles é um método de conserva e não um sinônimo de picles. Que micão, hein???

    Responder
  29. Oi, Acho que vocês deveriam fazer uma errata para a questão do pepino. Sério… O graçom deve entender melhor do que vcs.

    Responder
  30. BOM , EU ESTAVA A FIM D ONHECER O SUJINHO COM UMA GALERA DE AMIGOS, MAS DEPOIS DESTA DE NÃO ACEITAREM CARTÃO, DEMORA NO PREPAROS DOS PRATOS E CONFUSÃO PRA ESTACIONAR!!! TO FORA….VALEU, VOU EM OUTRO LUGAR PRA ME DIVERTIR.

    Responder
  31. Eu fui no sujinho e comi o tal picles vcs eatão errado duas vezes primeiro por gue não é pimentão é pimenta cujo o nome da pimenta é dedo de moça o segundo no cardapio está bem explicado picles de pimenta vermelha e cebola se vcs não leram !!!! Eu comi o mathias burg e é o melhor hamburgue que ja comi. Já o cartão eu tive o prazer de convessar com o dono e ele mim falow que no dia que as adiministradoras de cartões não quisseram entra em um acordo com ele

    Responder
  32. Acho incrivel como as pessoas falam sem conhecimento de causa , pode se fazer picles de qualquer tipo de vegetal. Quanto ao sujinho para mim e o melhor custo beneficio da cidade e o picles do mac e a pior coisa que ja comi na minha vida, antes de julgarem deem um chegada no sujinho e voces vao comer um dos melhores hamburguers de SP. E o picles de pimenta e maravilhoso e nunca vi em lugar algum.Toda a concorrencia que aceita cartao e mais cara e as porcoes bem menos fartas.

    Responder
  33. Fui ao sujinho essa semana , e tive a chance de comer esse maravilhoso , picles de pimenta vermelha , o atendimento foi muito cordial e achei o preco uma pechincha pelo que eles me ofereceram eu pagaria o dobro em dinheiro com todo prazer, minha familia frequenta o sujinho a mais de 70 anos ,ninguem sobrevive todo esse tempo sem muita competencia e paixao pelo cliente.

    Responder
  34. Eu gosto bastante do hambúrguer e das carnes do Sujinho. Grelhados a preços honestos, sem frescura.

    Sobre cartões, não vejo problema em não aceitarem, até porque há muitos bancos por perto.

    Da mesma forma, não deixo de ir a outros bons lugares, principalmente na Liberdade, como os vizinhos Bueno e Aska, que optam por não aceitar cartões.

    Vale dizer ainda que, no Sujinho, aceita-se vale-refeição Sodexo.

    Responder
  35. Não adianta servirem um hamburguer bom se o atendimento é péssimo e mentiroso! E quando tentamos fazer uma reclamação no site, acreditam que o email não existe e retorna?

    Fiz um pedido no Delivery da Hamburgueria do Sujinho hoje por volta de 21h20. Passei o endereço, dei um ponto de referência próximo ao local e fui informada que o meu pedido demoraria por volta de 30 a 40 minutos. Voltei a ligar as 22h01 para saber do status do meu pedido e fui informada pelo atendente do Delivery da Hamburgueria que o meu pedido tinha sido feito a 41 minutos atrás e que deveria estar quase chegando. Para a minha surpresa, as 22h09 recebi uma ligação do número 7879-1278 dizendo que o meu endereço estava fora da área de entrega e que o meu pedido iria ser entregue – e nem havia sido feito ainda! Por que não avisaram na hora? Precisaram esperar quase uma hora para decidir não entregar?

    Deixei de sair para jantar, de ir até o Shopping aqui ao lado (que fechava às 22h00) aqui ao lado para comer um hamburguer da hamburgueria que eu GOSTAVA e quase uma hora depois sou informada que o meu pedido não foi feito? É muita falta de respeito e um péssimo atendimento ao consumidor – eu ERA uma cliente da hamburgueria, frequentava a hamburgueria com amigos e a partir de hoje não só vou parar de frequentar este restaurante que MENTE para o consumidor como vou avisar a todos que conheço para parar de frequentar.

    Além disso, pra mim o fato de não aceitar cartões só pode ser pq estão fora da lei e não querem declarar!

    Responder
  36. Caro bloggueiro, picles não é apenas conserva de pepino. Picles são conservas de legumes em vinagre. Tome cuidado em criticar, quando nao se tem o conhecimento, as pessoas usam seu blog como fonte de conhecimento.

    Responder
  37. Outra coisa, sobre a politica de nao aceitar cartoes, eles visam cobrar um preco mais justo devido as altas taxas dos cartoes. Por isso conseguem manter o preco, e nao aumentam a cada dois meses como muitas hamburguerias.

    Responder
  38. Adoro o blog, as matérias são ótimas e o texto é bem escrito e despojado. Passo vontade querendo comer todas as delícias que vocês apresentam, contudo não posso! Snif… rsrs…
    Bom, vamos agora ao caso polêmico do picles de pimentão… Pesquisei um pouquinho e achei artigos interessantes e até a história do picles. “Picles é o produto preparado com as partes comestíveis de frutos e hortaliças, como tal definidos nestes padrões, com ou sem casca, e submetidos ou não a processo fermentativo natural.” “O picles simples será designado pela palavra “picles” seguida do nome do fruto ou hortaliça empregada.”
    Essas são a definição para picles e como serão designados de acordo com fatores específicos. Ambos constam na resolução datada de 1977 no site da ANVISA. Então, qualquer fruto ou hortaliça pode ser um picles levando em consideração sua preparação. Sendo assim, pepino é picles, cenoura é picles, cebola é picles e pimentão é picles também, o garçom não estava errado! O que não justifica esse “detalhe” não estar especificado no cardápio ou não ter sido avisado anteriormente. Realmente estamos acostumados a relacionar picles com pepino, porque foi assim que se difundiu por aqui graças ao Mc Donald's, mas nos mercados é fácil encontrar picles de legumes variados, eu mesma já comprei. Sou uma inveterada amante de picles!
    Espero que tenha ajudado a esclarecer um pouquinho.
    Beijos ao casal mais apetitoso da web!

    Responder
  39. Fui lá hoje e achei o hamburger excelente. Pedi um x salada classico com bacon.
    Sobre o picles, nao sei quando voces foram, mas hoje estava escrito no cardapio que era pimentao vermelho e cebola.
    Recomendo muito, independente de aceitar cartao ou não. O hamburger é bem melhor que o do rocket's, que tem uma carne bem mais ou menos.

    Responder
  40. Fui hoje conferir o hamburguer do Sujinho, e na minha opinião vale a pena sacar dinheiro e ir lá se deliciar com o lanche. Muito gostoso, carne suculenta, no ponto escolhido, maionese deliciosa, pão divino, salada nhami… enfim, um dos melhores de SP na minha opinião.

    Responder
  41. Pessoal, achei o atendimento normal, ou seja fui atendida e tudo correu bem, o hamburguer veio todo certinho, bem montado e perfeito. Pedi um com pao, carne ao ponto (e veio exatamente ao ponto), catupiry e cebola dourada, e um potinho de maionese verde.
    Maionese super saborosa, carne de qualidade bem grelhada e ao ponto mesmo de forma que deixou o lanche bem suculento, catupiry de verdade, cebola bem macia e dourada… Achei o melhor de sao paulo! De verdade! Fui a st louis e nao achei nada de mais, atendimento ruim, ambiente escuro, mal iluminado, hamburguer normal, sem absolutamente nada de especial e completamente sem sabor.
    Nao entendi pq o sujinho nem sequer entrou no ranking. O nao aceitar cartoes é um saco mesmo e uma bobagem, alguem tem que dizer que eles perdem dinheiro, pois acabei levando pouco dinheiro e perdi de consumir mt mais pois estava com medo de faltar, eu sei que eles nao precisam por maquina de carta pq as pessoas continuiraonir la consumir mas aposto que consumiriam muito mais. Entao bobagem deles! Paciencia.
    Mas olha o hamburguer é mt bom, vcs deveriam ir de novo e repensar esse ranking. Eu sou parceira!
    Abração!!!

    Responder
  42. Só um pergunta: O Sujinho não entrou no ranking de vcs pq eles não aceitam cartão e pela ocorrência da intriguinha do picles, ou os lanches do top 10 de vcs são realmente muito melhores que do sujinho? Pq se vcs analisaram somente a qualidade dos lanches, eu discordo completamente do ranking de vcs. Gosto é gosto, né! Mas, que o sujinho é muito melhor que o St Louis, ahhhh isso é!

    Responder
  43. “não aceita cartão e sempre tá lotado”.
    isso diz tudo!
    tb acho q aceitar cartão é importante pra um estabelecimento, mas o Sujinho prova que não é obrigatório pra ter sucesso no empreendimento.
    inadmissível? ora bolas, tem gente q parece q vai morrer se andar com 50 reais na carteira, que frescura…
    prefiro comer num lugar com ótimo custo-benefício e pagar em cash do que ser usurpado por várias hamburguerias caça-níqueis que tem em SP…

    Responder
  44. Olá, os hambúrgueres são a minha comida favorita. Eu gosto de tentar em todos os restaurantes para comparação. Você sabe se este negócio tem delivery em higienopolis? obrigado

    Responder
  45. Uma dica: a filial do Sujinho na esquina da Ipiranga com a Rio Branco aceita Visa (e VR). Além de ser muito mais tranquilo (raramente é preciso esperar para conseguir uma mesa).

    Responder
  46. Pra você que disse que o dono do Sujinho tem razões financeiras para não aceitar cartões tendo em vista as altas taxas cobradas pelas operadoras de cartões de débito/crédito, entenda que isso não é uma verdade. Aceitar apenas dinheiro gera uma necessidade de transporte para esse dinheiro, viagens de carro forte custam muito caro, principalmente para estabelecimentos de pequeno porte. Sem contar na segurança do local, né? Não tenho conhecimento de nenhum assalto no Sujinho, mas se eu fosse o dono de lá eu não iria gostar que todos soubessem que meus caixas vão estar abarrotados de dinheiro vivo no final do dia. Um outro detalhe interessante é que eles aceitam CHEQUE! Sério. Tem alguma coisa mais propícia à fraudes do que cheques? Fica a minha reflexão acerca dos motivos pelos quais o estabelecimento não aceita cartões, o fato é que não são financeiros.

    Responder
  47. realmente vcs não sabem o que é picles. Picles é uma forma de preparação e não tem que set sempre de pepino.

    Responder

Envie seu comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>